O jornal O Globo, do Rio de Janeiro trouxe em sua edição de hoje uma declaração do ministro da Educação, Fernando Haddad em que admite ser difícil cumprir a promessa eleitoral da presidente Dilma Rousseff (PT) de elevar os investimentos em educação de 5% para 7% do Produto Interno Bruto (PIB) até o final do mandato. A afirmação feita na Assembleia Legislativa de São Paulo dá o tom de como serão as discussões sobre o novo Plano Nacional de Educação (PNE) no Congresso Nacional. Leia mais aqui na coluna “Por Dentro do Brasil”.

Outros destaques do dia ficam por conta dos desdobramentos do massacre em Realengo, no Rio, e as diversas ações desencadeadas nos Estados para conter a violência escolar e o bullying. Entre elas, destaque para Roraima que planeja a criação de um Conselho Estadual de Segurança Escolar, com a participação de representantes do poder público e de grupos como teatro, esportes e leitura digital para discutir alternativas aos alunos e despertar o interesse por outras práticas. Saiba mais aqui. Leia esta e outras notas no rodapé deste blog.