Archive for maio 12, 2011


O destaque da coluna “Por Dentro do Brasil” de hoje é para o aumento do número de jovens no mercado de trabalho, divulgado pelos principais jornais do País. Dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) revelam que o número de empregos com carteira assinada na faixa entre 16 e 17 anos cresceu 19%. Leia mais aqui. Outro assunto que tem tido bastante reflexão no Brasil e também em Mogi das Cruzes é o bullying. Em Belo Horizonte-MG, a Câmara aprovou uma lei municipal que estabelece uma série de medidas contra os praticantes deste tipo de intimidação entre crianças e adolescentes nas escolas. Leia mais aqui.


As Faculdades de Tecnologia (Fatecs) e as Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) vão entrar em greve a partir de amanhã como forma de reivindicar melhorias à classe de trabalhadores. Ao todo, serão 96 Fatecs e Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) de São Paulo que vão participar do movimento. A confirmação veio do Sindicato dos Trabalhadores do Centro Paula Souza, que informou que mais de 60% das instituições do Estado foram favoráveis à ação e apontaram grande indignação com relação ao piso salarial e as condições atuais de trabalho.

De acordo com a secretária-geral do Sindicato dos Trabalhadores, Sílvia Elena de Lima, a categoria quer reajuste salarial, que, segundo ela, está defasado desde 2005. O valor de reajuste solicitado é de 58,9% para os docentes e 71,79% para os servidores técnico-administrativos. “Não estamos com evasão de alunos nas escolas, mas de professores e funcionários que não permanecem nas instituições por causa do salário baixo. O vale-refeição, por exemplo, é de R$ 4 por dia e, mesmo assim, alguns não têm o direito”, disse a dirigente sindical. Segundo Sílvia, o governo foi informado sobre a pauta de reivindicações para os trabalhadores porém, não houve posicionamento.

“O governo não havia dado sinal nenhum de melhora, aí, coincidentemente, agora divulgaram que vão anunciar reajuste na sexta-feira, no dia em que a greve for feita”, disse a secretária-geral do sindicato, que completou ainda que, a primeira coisa que fizeram antes de anunciar a greve, foi negociar o aumento. “A gente protocolou um pedido de reajuste no Centro Paula Souza em março e até então ninguém se posicionou”, completou ela.

Outro lado
A assessoria de comunicação do Centro Paula Souza, por sua vez, informou que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) deverá anunciar hoje o reajuste salarial dos professores e servidores da instituição. Além disso, a assessoria ressalta que está prevista para este ano a aplicação da progressão funcional que tem por objetivo beneficiar os funcionários que apresentarem bom desempenho na carreira.

Publicado por: Diário do Alto Tietê
Em: 12/05/2011
Por: Ariane Noronha

A seleção Sub-18 da Liga Municipal de Futebol de Mogi das Cruzes enfrenta Embu das Artes hoje, às 15h30, no Estádio Municipal Francisco Ribeiro Nogueira, o Nogueirão. O jogo vale vaga na final da fase regional dos Jogos Abertos da Juventude. Na preliminar, às 14h30, Taboão da Serra e Cotia fazem a outra semifinal.

A decisão acontece amanhã, às 14h30. Em caso de classificação do selecionado mogiano, o jogo que apontará o campeão regional será disputado, também no Nogueirão.

Os Jogos Abertos da Juventude reúne jogadores até 18 anos. Esta é a primeira vez que a Seleção da Liga, que conta com o apoio da Secretaria de Esportes e Lazer do município, participa da disputa.

Em preparação para o pega desta quinta-feira, o técnico Anderson Pereira da Silva comandou treinamento nesta segunda, terça e quarta no Centro Esportivo do Socorro. “A expectativa é possamos colocar em prática o que foi apresentado nos treinamentos”, disse o treinador.

A classificação dos mogianos às semifinais foi garantida com a vitória sobre Itaquaquecetuba nos pênaltis (5 a 4), após empate de 0 a 0 no tempo regulamentar, em partida realizada na tarde do último dia 5 de maio, no Nogueirão. O goleiro Kainan defendeu a primeira cobrança dos tiros livres diretos dos visitantes e garantiu a permanência de Mogi na disputa.

Durante o tempo regulamentar, o selecionado mogiano desperdiçou uma cobrança de pênalti. Jé cobrou e o goleiro Rodrigo, de Itaquá, espalmou para fora.

Publicado por: O Diário de Mogi
Em: 12/05/2011


A prática do bullying será amplamente discutida por professores, advogados, pedagogos, comunicadores e psicólogos na noite de hoje, no auditório do Teatro Manoel Bezerra de Melo, localizado no prédio III, na Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). O debate chamado “Bullying – assédio moral escolar: visão jurídica e pedagógica” ocorre às 19 horas.

O evento é gratuito e direcionado a professores da rede pública de ensino municipal e estadual, além de profissionais de Direito e acadêmicos. Mais de 150 pessoas devem participar do evento, que contou com inscrições na Diretoria de Ensino de Mogi. O cadastramento também pode ser feito hoje, pouco antes do evento.

O coordenador do Curso de Direito da UMC, doutorando e mestre em Direito Penal pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP) professor Vitor Monacelli Fachinetti Júnior será o moderador do evento e contou que a ideia de discutir o assunto surgiu a partir de um grupo de estudos chamado “Ensaios jurídicos contemporâneos”. “Este grupo aborda vários temas para publicá-los em artigos científicos. Como o assunto está sendo bastante abordado, decidimos que este é o momento para a discussão”.

Durante o evento, os professores receberão dicas de como lidar com situações de bullying entre os alunos. “Na forma pedagógica, os professores serão orientados a acompanhar os alunos, identificar situações de agressão verbal e física, como tratar o assunto com os pais da criança e lidar tanto com a vítima quanto com o agressor, que também deve ser o foco da preocupação”, explicou.

Também serão considerados os aspectos jurídicos da prática do bullying, como o reforço na lei para impedir e punir a prática. Além de Fachinetti, também serão os moderadores o advogado e professor mestre em Direitos Difusos e Coletivos Walter Vechiato Júnior e a professora e doutora em Comunicação e Semiótica Luci Mendes de Mello Bonini.

Os debatedores serão o advogado e secretário da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Mogi Ademir Falque dos Santos, o advogado Laudicir Zamai Júnior e a coordenadora do curso de Pedagogia da UMC, doutora e mestre em psicologia escolar e desenvolvimento humano Tatiana Platzer do Amaral.

Publicado por: Mogi News
Em: 12/05/2011
Por: Jamile Santana

Quatro dias depois do Mogi News denunciar um suposto caso de bullying na Escola Estadual Rubens Mercadante de Lima, em César de Souza, a Secretaria de Estado da Educação informou que “supervisores de ensino estiveram na unidade para apuração do episódio e ele não ficou configurado”. Entretanto, já na próxima semana, uma palestra de conscientização de respeito e cidadania será realizada no local. A data e o horário não foram revelados.

No domingo passado, os pais de um estudante de apenas 10 anos de idade denunciaram que o filho sofria bullying dos alunos mais velhos. Desde o início do ano letivo, o garoto havia sido agredido duas vezes de forma grave. Na última, chegou a bater a cabeça depois de ser empurrado. O trauma fez com que o menino se recusasse ir para a instituição de ensino com medo de novos atos de violência.

A direção da Escola informou, por meio da Assessoria de Imprensa, que os estudantes que machucaram a criança já foram identificados. Segundo a Diretoria Regional de Ensino, o jovem acusado confessou que feriu o aluno durante uma “brincadeira” e os pais foram chamados, contudo, o agressor não foi punido. Para o Estado, o fato de o menino bater a cabeça quando “brincava” no corredor da escola, em nada significa mais um caso de bullying.

A Secretaria de Estado da Educação lembrou que a direção da escola por diversas vezes tentou reunir-se com os responsáveis e só dias depois foi procurada pelo pai do estudante. Após relatar o ocorrido, ele solicitou a transferência. Enquanto a direção providenciava, o pai desistiu do pedido, contudo, a escola garantiu que se ainda existir a necessidade de mudá-lo de escola basta procurar a instituição.

Atitude suspeita
A mãe da vítima, Elaine Cristina de Oliveira, 29 anos, contou que o filho estudou nos últimos anos em uma escola municipal e, em 2011 foi transferido para a escola de César de Souza.

As mudanças no comportamento do estudante foram os primeiros indícios de que algo estava errado. O garoto passou a reclamar das brincadeiras que aconteciam no banheiro. Dias depois apareceram as primeiras lesões no peito. Os ferimentos tiveram origem porque os alunos da 7ª série, mais velhos que a vítima, apertavam o peito do aluno.

A segunda agressão, o empurrão e a lesão na cabeça levaram os pais a procurarem a delegacia de ensino. Preocupados com o filho, os pais passaram a monitorá-lo. Eles orientaram o menino a ficar sempre próximo de um professor ou funcionário.

Publicado por: Mogi News
Em: 12/05/2011
Por: Cleber Lazo

A aposentada Roseli Moraes de Oliveira, 43, encontrou a filha Letícia Julia Moraes Soares, 15. A garota estava desaparecida desde o dia 4, quando teria sido vista em frente à sua casa, no São João, sendo arrastada para dentro de um carro. Letícia foi levada ontem ao 1° DP pela mãe do namorado.

Publicado por: Mogi News
Em: 12/05/2011


A licitação das obras para construção do novo prédio do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) deve ser publicada até julho. O novo espaço que será construído na área do Jardim Monte Cristo abrigará laboratórios de dois novos cursos previstos para o próximo ano, o de Tecnologia em Processos Químicos e o de licenciatura em Química.

A informação foi confirmada ontem pelo pró-reitor de extensão do IFSP, Garabed Kenchian. Ele esteve no campus Suzano para participar do 2º Workshop de Inovação Tecnológica, que será finalizado hoje.

Ainda segundo Kenchian, a expectativa é de que a empresa vencedora da licitação possa ser conhecida já em agosto. As obras do novo prédio devem durar um ano. Ele também detalhou a parceria firmada com a administração municipal no sentido de desenvolver o projeto do espaço. “A Prefeitura encaminhou o projeto na semana passada para nós. A equipe técnica do instituto está fazendo uma revisão. Mas, já acreditamos que num prazo de 15 dias a gente consiga mandar para o setor de licitação para desenvolver o edital”, observou.

O pró-reitor destacou ainda que, mesmo que as aulas dos cursos de Química comecem no primeiro semestre de 2012, os futuros alunos não serão prejudicados. Isso porque, num primeiro momento eles poderão usufruir de outros laboratórios já existentes na unidade.

Tanto Garabed como o reitor do IFSP no Estado, Arnaldo Augusto Ciquielo Borges, expuseram que o total de investimentos nesta expansão será da ordem de R$ 10 milhões aproximadamente. Destes, R$ 6 milhões deverão ser destinados à construção do novo prédio e outros R$ 4 milhões para a compra de equipamentos.

Otimização do tempo
Para Borges, o instituto vem otimizando o tempo de expansão do IFSP Suzano. “Estamos antecipando o projeto dessa unidade. O que faríamos em cinco anos de funcionamento, faremos em três (anos)”, disse, referindo-se desde 2010, quando o campi começou a funcionar na cidade.
Estado
O reitor do IFSP relembrou que em todo o Estado 16 ampliações em unidades vêm sendo realizadas campus diferenciados. Além disso, há outros três projetos de instalação de novas unidades do IFSP. Até então, existem 25 IFSPs espalhados em São Paulo.

Publicado por: Diário de Suzano
Em: 12/05/2011

%d blogueiros gostam disto: