A Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, ontem, uma visita do grupo à Santa Casa de Misericórdia de Suzano, às 11 horas do próximo dia 17.

O deputado estadual Luiz Carlos Gondim Teixeira (PPS), que solicitou a visita por conta das mortes de recém-nascidos no hospital, informou que deverá ir ao local antes da data marcada. “Irei antes porque no dia 17 estarei em um congresso no exterior”, adiantou.

Mesmo assim, o parlamentar não minimizou a importância da visita. “Temos que ir até lá saber o que está acontecendo”, disse. Gondim acredita ser necessário conferir o estado dos aparelhos e também se o hospital apresenta riscos de contaminação.

Na semana passada, em visita ao DAT, a deputada estadual Heroilma Tavares (PTB) explicou que seria de extrema importância a vistoria à Santa Casa. “Há a necessidade de se fazer isso porque a causa das mortes tem que ser descoberta”, disse. Ela também faz parte da comissão presidida pelo deputado Marcos Martins (PT).

Relatórios
De acordo com os relatórios encaminhados ao Ministério Público pelos órgãos de fiscalização estaduais foi constatado que a unidade neonatal não tem antecâmara ou área de acesso com condições de higienização – a lavagem das mãos é feita em área externa a unidade (o correto de acordo com as normas da Saúde seria haver um lavatório dentro da unidade para a higienização das mãos).

Foi apontado ainda que há ralos abertos e sujos, lâmpadas sem proteção contra quedas ou explosões, janelas abertas voltadas para a área externa de circulação, sem fechamento ou vedação adequados.

Publicado por: Diário do Alto Tietê
Em: 08/06/11
Por: Vivian Turcato