Tag Archive: CDHU


Nesta edição, você confere que a Prefeitura de Poá deseja criar mais cargos na área da Educação. Saiba por que aqui no Políica 360 graus. E mais, Plínio de Arruda Sampaio em entrevista fala sobre CPI do Cachoeira, Comissão da Verdade e movimentos sociais, termina dia 30 o prazo para as Câmaras fixarem o número de vereadores para a próxima legislatura, saúde, meio ambiente, habitação você confere ouvindo o podcast.

Ouça aqui

Pelo site: http://politica360.podomatic.com/ você ainda pode ouvir os demais programas.

O Política 360º é transmitido ao vivo, aos sábados, a partir das 10h, na rádio comunitária Nova FM 87,5 MHz. O conteúdo é produzido numa parceria da Agência Atitude e do Blog de Poá.

E se você têm iTunes, pode assinar nosso podcast e receba as atualizações semanalmente.

 

O prefeito de Mogi das Cruzes, Marco Bertaiolli (DEM), oficializou ontem, na Secretaria do Estado de Habitação, a transferência para a Prefeitura de um terreno que pertencia à Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) no distrito de César de Souza. No local, a administração pretende construir até o fim do ano uma creche com capacidade para atender até 110 crianças com idades entre quatro meses e cinco anos. O investimento previsto na construção do Centro de Educação Infantil Municipal (CEIM) é de R$ 1,2 milhão e a licitação deverá ser aberta nas próximas semanas.

Os detalhes da transferência do imóvel à Prefeitura foram informados no fim da tarde pela Assessoria de Imprensa do governo mogiano. De acordo com a assessoria, por volta das 16 horas, Bertaiolli reuniu-se na capital com o secretário estadual de Habitação, Silvio Torres, para a assinatura do convênio pelo qual a Prefeitura se comprometeu em construir uma creche na área liberada pela CDHU.

O prefeito ressaltou o bom relacionamento da cidade com o governo estadual: “Esta conquista é fruto do bom relacionamento que nós temos com o governo do Estado e construiremos no local mais uma creche e uma escola de educação infantil, com capacidade para mais de 100 crianças”, prometeu.

Qualidade de vida
O chefe de Governo Luiz Sérgio Marrano e a coordenadora municipal de Habitação Dalciani Felizardo também participaram da audiência realizada na capital. Ao final do encontro, o presidente da CDHU e secretário-adjunto de Habitação, Marcos Penido, outro participante da reunião, disse que a creche anunciada pelo prefeito garantirá mais qualidade de vida para 1,6 mil famílias que residem nos conjuntos construídos pela CDHU no distrito.

Publicado por: Mogi News
Em: 29/03/2011
Por: Bras Santos

O prefeito Marco Bertaiolli (DEM) assinará, na próxima segunda-feira, às 16 horas, na Capital, um convênio entre a Prefeitura Municipal e o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Estado da Habitação, para que a Administração possa implantar um Centro de Educação Infantil Municipal (CEIM) na área dos apartamentos da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), em César de Souza. Ele divulgou ontem, durante a inauguração do CEIM Professor Osmiraldo de Silveira, na Vila Cléo, que a parceria propiciará a doação de parte de um terreno da unidade habitacional ao Município para que as obras possam ser executadas.

“A nossa proposta com a construção desses centros de educação infantil sempre foi levar o atendimento a quem precisa, perto de casa, para que as mães não necessitassem sair do ambiente residencial para deixarem seus filhos nas creches. Tive a ideia, então, de montar um CEIM no CDHU de César e o Estado aprovou, nos doando um local para isso. Já na segunda assinarei o convênio, juntamente com o secretário de Estado da Habitação, Silvio Torres, e acredito que poderemos licitar essa unidade no meio do ano”, explicou o prefeito.

A creche da Vila Cléo, entregue ontem, foi a 18º unidade inaugurada pela Administração Municipal, dentro de um programa de 40 escolas. Atualmente, outras 13 estão em obras e oito devem ser licitadas até julho.

O CEIM Osmiraldo de Silveira atenderá a 110 crianças, de quatro meses de vida a cinco anos, em regime integral. A obra, que teve um custo total de R$ 762.927,70, substitui um imóvel alugado pelo Instituto Amor Misericordioso – responsável pela escola – que atendia, até então, 40 pequenos e não tinha berçário, o que dificultava a aceitação de bebês.

Para o presidente da entidade, padre Pedro Paulo Custódio, o novo espaço deve ser encarado como um sopro de esperança para os pais das crianças. “É com muita emoção que vejo, hoje, a concretização de um sonho e de um trabalho que traz esperança para os pais e para essas crianças. Quem olha para as crianças, olha para o futuro”, salientou o padre que comanda a creche.

Para fechar a cerimônia, que contou ainda com a presença da comunidade e de vereadores, o bispo dom Armando Martins Gutierrez, da diocese de Bacabal, no Maranhão, deu as bênçãos à escola. Ele foi padre da paróquia do Jardim Universo por 14 anos e disse que já conhecia o trabalho do Instituto Amor Misericordioso. O bispo estava na Cidade por causa da ordenação episcopal do monsenhor Rosaldo Cordeiro de Lima, de Salesópolis, ocorrida em Mogi, ontem.

Publicado por: O Diário de Mogi
Em: 26/03/2011
Por: Sabrina Pacca

Prefeito Marco Bertaiolli recebeu Marcos Penido e acertou a construção de uma creche

O conjunto da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) do Jardim Bela Vista, em César de Souza, receberá até junho de 2012 uma unidade do programa de expansão de creches de Mogi.

A confirmação do investimento estimado em R$ 1 milhão foi feita ontem pelo prefeito Marco Aurélio Bertaiolli (DEM) após reunião com Marcos Rodrigues Penido, secretário-adjunto de Estado da Habitação e presidente da CDHU.

Penido veio a Mogi para vistoriar áreas onde serão construídas moradias habitacionais para famílias de baixa renda e idosos. Esticou o roteiro de vistoria e verificou as condições do terreno de 3 mil metros quadrados de área, pertencente ao órgão, que fica na região do Jardim Bela Vista, onde a Prefeitura quer construir a creche para 110 crianças. Após uma conversa rápida com o Bertaiolli, na Prefeitura, o presidente da CDHU não deixou dúvidas: “Vamos ceder o terreno à Prefeitura de Mogi, em sistema de comodato. É uma área ampla, que daria para a construção de novas moradias, mas uma creche também é uma excelente proposta”, comentou Penido.

De acordo com o prefeito, até o final deste mês, será oficializada a doação da área da CDHU à Prefeitura e, no segundo semestre, deverá ser aberta a concorrência pública para construção da unidade que fará parte do pacote de 40 creches. “Trata-se da primeira unidade do último pacote de oito creches que iremos construir e entregar até junho de 2012. É uma excelente notícia, em especial às mães que residem no CDHU de César de Souza e que não terão mais de seguir com seus filhos para o outro lado da cidade, debaixo de chuva e sol, só para levá-los na creche”, defendeu Bertaiolli.

Segundo o prefeito, será o terceiro conjunto habitacional a receber uma creche da sua administração. “Já temos o Conjunto Seki, no dia 26 deste mês será o Conjunto Toyama e, em 2012, o CDHU de César de Souza”. Do pacote de 40 creches, Bertaiolli já inaugurou 19, existem 13 em construção e outras oito ainda serão licitadas.

Regularização
O secretário-adjunto da habitação Marcos Rodrigues Penido garantiu que até o fim deste ano serão regularizadas 4,2 mil moradias construídas no município. São pelo menos sete conjuntos habitacionais (Seki, Vila Cléo, Toyama, Jundiapeba I e II, Jardim Bela Vista e Vila Nova Aparecida), construídos nos últimos 25 anos e entregues à população, mas sem o Habite-se, documento que comprova a propriedade do imóvel e extremamente necessário em negociações de compra e venda.

“Há anos as prefeituras vem conversando com a CDHU para regularizar os
empreendimentos. E agora, no início do mandato do governador Geraldo Alckmin esta é uma das prioridades. Vamos construir mais moradias, porém, sem esquecer das antigas que precisam ser regularizadas”, explicou o secretário Penido.

Dentre os empreendimentos que estão prestes de receber a certidão, o prefeito Marco Aurélio Bertaiolli (DEM) citou o Conjunto Habitacional da Vila Cléo. “Lá praticamente todos os apartamentos já estão sendo registrados em cartório. Vamos fazer um mutirão e legalizar os demais”, disse.

Publicado por: Mogi News
Em: 04/03/2011
Por Noemia Alves

%d blogueiros gostam disto: