Tag Archive: Fatec


Nesta edição, saiba o drama que passa 78 famílias que estão alojadas no Ginásio Municipal de Ferraz de Vasconcelos. Elas precisam de doações de alimentos, leite e fraldas. E mais, o impasse da Prefeitura de Poá e do Cruma, a cooperativa de reciclagem terá de ser desapropriada para a passagem do Rodoanel, mas ainda não tem local certo. Tem também STF aprova legalidade do Prouni, Vacinação contra a Gripe, Vestibular da Fatec, título eleitoral e muito mais.

Ouça aqui

Pelo site: http://politica360.podomatic.com/ você ainda pode ouvir os demais programas.

O Política 360º é transmitido ao vivo, aos sábados, a partir das 10h, na rádio comunitária Nova FM 87,5 MHz. O conteúdo é produzido numa parceria da Agência Atitude e do Blog de Poá.

E se você têm iTunes, pode assinar nosso podcast e receba as atualizações semanalmente.


A insatisfação dos funcionários do Centro Paula Souza com o porcentual de 11% reajuste salarial apresentado pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) essa semana paralisou as Faculdades de Tecnologia (Fatecs) de Mogi das Cruzes e Itaquaquecetuba. As Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) da região, por sua vez, não aderiram à paralisação. Mais de 500 trabalhadores das Etecs e das Fatecs participaram ontem do lançamento oficial da greve, na capital. A ação deve perdurar nos próximos dias.

De acordo com a secretária-geral do Sindicato dos Trabalhadores do Centro Paula Souza (Sinteps), Sílvia Elena de Lima, todos os manifestantes chegaram ao consenso de que vão manter a greve. “Faremos uma caminhada no próximo dia 20, no bairro Bela Vista. Vamos também nos reunir na Secretaria Estadual de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia”, afirmou.

Procurada pela reportagem do DAT, o Centro Paula Souza informou, por meio da assessoria de Imprensa que um levantamento feito com todas as Etecs e Fatecs foi feito e apontou que das 214 escolas que responderam à consulta até o momento, 86% informaram que não vão aderir à paralisação e 4% responderam que em sua unidade a adesão será parcial.

O sindicato quer que o salário seja reajustado em 58,9% para os docentes e 71,79% para os servidores técnico-administrativos. A proposta feita pelo governo do Estado, no entanto, passará a vigorar a partir de 1º de julho.

Publicado por: Diário do Alto Tietê
Em: 14/05/2011
Por: Ariane Noronha

Mesmo após o governo estadual ter anunciado ontem reajuste de 11% no salário dos servidores do Centro Paula Souza (Sinteps), funcionários das Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) vão dar início a greve hoje, conforme o DAT informou ontem. Trabalhadores não concordaram com o porcentual apresentado e farão um ato público às 14 horas, no campus da Fatec de São Paulo. A ação deve reunir 300 pessoas.

Segundo a secretária-geral do Sinteps, Sílvia Elena de Lima, o ato será mantido e os trabalhadores vão decidir se vão manter a greve ou não. “É muito pouco. Com 11% de reajuste, o salário vai continuar o mesmo”, afirmou ela. “Pelo que tudo indica, a greve deverá ser mantida para os próximos dias também”, acrescenta. O sindicato quer que o salário seja reajustado em 58,9% para os docentes e 71,79% para os servidores técnico-administrativos.

A proposta feita pelo governo do Estado será submetida à Assembleia Legislativa e deverá alterar o salário de mais de 17 mil profissionais de Etecs, Fatecs e servidores administrativos da instituição. Com o reajuste, que passa a vigorar a partir de 1º de julho, o salário inicial para jornada de 40 horas passa de R$ 2 mil para R$ 2.220,00 para os professores que lecionam nas Etecs , e de R$ 3.600,00 para R$ 3.996,00 para os docentes das Fatecs.

Publicado por: Diário do Alto Tietê
Em: 13/05/2011
Por: Ariane Noronha


As Faculdades de Tecnologia (Fatecs) e as Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) vão entrar em greve a partir de amanhã como forma de reivindicar melhorias à classe de trabalhadores. Ao todo, serão 96 Fatecs e Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) de São Paulo que vão participar do movimento. A confirmação veio do Sindicato dos Trabalhadores do Centro Paula Souza, que informou que mais de 60% das instituições do Estado foram favoráveis à ação e apontaram grande indignação com relação ao piso salarial e as condições atuais de trabalho.

De acordo com a secretária-geral do Sindicato dos Trabalhadores, Sílvia Elena de Lima, a categoria quer reajuste salarial, que, segundo ela, está defasado desde 2005. O valor de reajuste solicitado é de 58,9% para os docentes e 71,79% para os servidores técnico-administrativos. “Não estamos com evasão de alunos nas escolas, mas de professores e funcionários que não permanecem nas instituições por causa do salário baixo. O vale-refeição, por exemplo, é de R$ 4 por dia e, mesmo assim, alguns não têm o direito”, disse a dirigente sindical. Segundo Sílvia, o governo foi informado sobre a pauta de reivindicações para os trabalhadores porém, não houve posicionamento.

“O governo não havia dado sinal nenhum de melhora, aí, coincidentemente, agora divulgaram que vão anunciar reajuste na sexta-feira, no dia em que a greve for feita”, disse a secretária-geral do sindicato, que completou ainda que, a primeira coisa que fizeram antes de anunciar a greve, foi negociar o aumento. “A gente protocolou um pedido de reajuste no Centro Paula Souza em março e até então ninguém se posicionou”, completou ela.

Outro lado
A assessoria de comunicação do Centro Paula Souza, por sua vez, informou que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) deverá anunciar hoje o reajuste salarial dos professores e servidores da instituição. Além disso, a assessoria ressalta que está prevista para este ano a aplicação da progressão funcional que tem por objetivo beneficiar os funcionários que apresentarem bom desempenho na carreira.

Publicado por: Diário do Alto Tietê
Em: 12/05/2011
Por: Ariane Noronha

As unidades das Faculdades de Tecnologia do Estado de São Paulo (Fatecs) de Mogi das Cruzes e Itaquaquecetuba oferecerão 320 vagas de cursos para estudantes da região. Os interessados em participar dos cursos de ensino superior da instituição podem se inscrever no processo seletivo para o segundo semestre até 8 de junho. A taxa de inscrição é de R$ 70. O exame será aplicado em 3 de julho. Os alunos que estudaram integralmente em escolas públicas podem ser beneficiados com o Sistema de Pontuação Acrescida, que concede bônus 10% na avaliação.

De acordo com a assessoria de Imprensa do Centro Paula Souza, que administra as Fatecs, na unidade de Itaquá há 80 vagas para os curso de Gestão Comercial (tarde e noite) e 40 para o de Secretariado (manhã). Em Mogi, os alunos podem concorrer a 80 vagas em Agronegócio (tarde e noite), 80 vagas do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas (tarde e noite) e 40 vagas na turma de Gestão de Recursos Humanos (manhã).

Para participar do processo seletivo, o candidato dever ter concluído ou estar cursando o ensino médio, desde que no ato da matrícula comprove a conclusão do curso. As inscrições deverão ser feitas somente no site http://www.vestibularfatec.com.br.

O candidato deve preencher a ficha de inscrição e o questionário socioeconômico, imprimir o boleto e pagar a taxa no valor de R$ 70 em qualquer agência bancária. O Manual do Candidato, que apresenta datas, normas e orientações para o processo seletivo, estará disponível nos próximos dias para download gratuito no site http://www.vestibularfatec.com.br.

Inclusão Social
O Sistema de Pontuação Acrescida proposta pelo Centro Paula Souza concede bônus de 3% a estudantes afrodescendentes e de 10% ao alunos da rede pública (municipal, estadual ou federal). Caso o aluno esteja nas duas situações, recebe 13% de bônus. O candidato deve informar sua condição no momento da inscrição. A comprovação de que cursou integralmente o ensino médio em unidades de ensino público será exigida no ato da matrícula por meio da apresentação do histórico escolar ou da declaração escolar.

Publicado por: Diário do Alto Tietê
Em: 03/05/2011
Por: Cibelli Marthos

Os jovens de baixa renda que tenham concluído o Ensino Médio ou Educação de Jovens e Adultos (EJA) pela rede pública, ou então que tenham estudado pela rede particular, mas com bolsa integral, podem se cadastrar para conseguir desconto ou isenção na taxa de inscrição para o vestibular da Faculdade de Tecnologia (Fatec) de Mogi das Cruzes e Itaquaquecetuba. O prazo se estende até as 15 horas do próximo dia 15.

O primeiro passo é preencher um formulário, disponível no site http://www.vestibularfatec.com.br. É necessário guardar o número do protocolo e colocá-lo no envelope a ser entregue junto aos documentos necessários na secretaria da Fatec. Esta entrega também deve ocorrer até o dia 15. É possível se candidatar tanto para a redução quanto para a isenção na taxa, mas neste caso, serão necessários dois cadastros.

Procedimento
No momento da entrega do envelope, o candidato precisa preencher, assinar e entregar o requerimento de solicitação de isenção/redução da taxa, que será fornecido pela secretaria da Fatec. Este documento também estará disponível no site do vestibular da Fatec, na seção “isenção/redução”. A resposta à solicitação será divulgada no dia 2 de maio somente pela internet.

Quem conseguir o desconto ou isenção na tarifa não pode se esquecer de, logo na sequencia, efetuar a inscrição efetiva na prova do vestibular, que estará aberta a partir de 2 de maio. As inscrições permanecerão abertas até 8 de junho e a prova do vestibular será realizada no dia 3 de julho.

A diretora administrativa da Fatec Mogi, Dulcelina Campos Neves, observa que a Fatec já é uma grande oportunidade para as pessoas de baixa renda cursarem o ensino superior sem qualquer custo, mas conta que ainda era frequente as pessoas desistirem de ingressar na instituição por não terem os R$ 70,00 cobrados no ato da inscrição para a prova. Por isso, em todos os semestres esta iniciativa é realizada.

“É uma oportunidade realmente para aqueles que estão interessados em estudar, querem aprender, mas têm dificuldades financeiras ou estão desempregados. Para essas pessoas com baixo poder aquisitivo, cuja renda é inferior a um salário mínimo, há 6 mil vagas em todas as Fatecs do Estado de São Paulo, e não existe um limite de isenção”, diz, lembrando que a Fatec garante 90% de empregabilidade aos alunos, antes mesmo de eles concluírem o curso.

Publicado por: Diário de Suzano
Em: 08/04/2011

%d blogueiros gostam disto: